Deprecated: The each() function is deprecated. This message will be suppressed on further calls in /home/abreaorg/public_html/administrator/components/com_seoboss/lib/Snoopy.class.php on line 651
Talco contaminado: J&J coloca subsidiária recém-criada em falência por caso de talco com amianto - ABREA

PublicaçõesAcompanhe nossas publicações

Manobra adia seguimento de processos judiciais

Fachada da Johnson & Johnson

Johnson & Johnson enfrenta processos por conta do Baby Powder, talco que teria amianto em sua formulação.

A J&J (Johnson & Johnson) anunciou na 5ª feira (14.out.2021) que uma de suas subsidiárias declarou falência. Com isso, a empresa consegue adiar o avanço de processos relacionados a venda do Baby Powder, talco que supostamente continha amianto em sua formulação. O amianto é apontado como possível causadora de câncer de ovário e outras doenças. A empresa enfrenta mais de 30.000 ações judiciais abertas por conta do produto, descontinuado em 2020.

A J&J executou a remodelação corporativa na 5ª feira (14.out) e aderiu a uma manobra legal conhecida como falência em duas etapas. Criou a LTL Management LLC, subsidiária que ficou responsável pelos passivos do Baby Powder.

Ao acionar o capítulo 11 de proteção no Tribunal de Falências dos EUA em Charlotte, estado norte-americano de Carolina do Norte, a subsidiária suspendeu de forma automática todos os julgamentos a que está sujeita. Assim, ganha tempo para negociar acordos. Eis a íntegra do pedido (848 KB).

“Este pedido visa resolver todas as reclamações relacionadas ao talco de uma maneira que seja justa para todas as partes, incluindo quaisquer reclamantes atuais e futuras”, declarou a J&J em comunicado (íntegra — 132 KB). “Essas ações não são uma concessão de responsabilidade, mas sim um meio para alcançar uma resolução equitativa e eficiente.”

Em 2020, apensar de dizer que o talco era seguro, a empresa parou de vender o Baby Powder. Na época, a J&J afirmou que a descontinuação era devido à “desinformação a respeito da segurança” de seu uso. Michael Ullmann, vice-presidente executivo e consultor jurídico geral da J&J reafirmou agora que a empresa mantém a confiança na segurança de todos os seus produtos, incluindo o talco. A J&J se comprometeu a financiar os custos legais da LTL nos casos judiciais.

Com esse propósito, criou um fundo de US$ 2 bilhões. “Além disso, foram alocados fluxos de receita de royalties a LTL com um valor presente de mais de US$ 350 milhões para contribuir ainda mais com os potenciais custos”, lê-se no comunicado.

 

Link da matéria: https://www.poder360.com.br/internacional/jj-coloca-subsidiaria-recem-criada-em-falencia-por-caso-de-talco-com-amianto/